Cenario Rural

Importação de fertilizantes é recorde

ferti

O Brasil importou mais de 13 milhões de toneladas nos primeiros cinco meses do ano, de acordo com o Boletim Logístico deste mês da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento). O resultado representa o maior volume da série histórica,indicando a boa capitalização dos produtores rurais brasileiros.

“Com os preços bastante remuneradores no mercado internacional e doméstico, os produtores aproveitaram a relação de troca favorável de alguns produtos agrícolas, recorrendo a operações de compras antecipadas a fim de garantir o futuro das atividades”, diz comunicado da Conab.

 

De acordo com o Boletim, os estados do Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Sul e Goiás foram responsáveis por importar 8,8 milhões de toneladas. Portanto, significando juntos um volume de 67%: “Cabe ressaltar que a Bahia praticamente dobrou o volume de importação de fertilizantes no primeiro semestre. Indicando um maior investimento por parte dos produtores em suas lavouras, resultado também dos preços favoráveis das principais commodities”.

 

Nesse sentido, os baianos também se destacaram com suas exportações: foram US$ 2,3 bilhões em produtos agrícolas originários da Bahia no ano de 2020. “As commodities que se destacaram na balança comercial foram a cultura do café conilon no sul e café arábica no centro-sul; algodão, soja e milho primeira safra no extremo-oeste; e milho terceira safra no nordeste baiano. No total, exportou-se 5,4 milhões de toneladas de produtos agrícolas oriundos da produção de algodão (inclusive pluma), café (em grãos e moído), milho e soja (grão, farelo e óleo)”, conclui a Conab.

 

Fonte: Agrolink

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *